quinta-feira, 24 de maio de 2012

Estou farta das greves...

Esta moda que agora reina no nosso país à beira mar plantado, de fazer greve por tudo e por nada já me enerva por demais, ora é o metro, ora são os revisores da CP, agora os controladores aéreos, tudo se lembra de fazer greve. O pessoal lembra-se de fazer uma folga no trabalho e já está, bora lá fazer uma greve, é a clássica desculpa para não trabalhar. A mim ainda não me afectou nenhuma destas greves, mas deve ser para lá de frustrante e irritante querer ir trabalhar e não ter como, porque os senhores do metro não querem trabalhar, ou ter de fazer uma viagem urgente, (sim porque as pessoas não viajam de avião só para irem de férias, e há viagens de extrema importância,), e ter de ficar horas no aeroporto porque os senhores controladores aéreos não querem trabalhar! 
E tudo isto porque o Estado é um óptimo patrão que tudo perdoa, tudo permite, eu que me lembrasse de fazer assim umas greves de vez em quando, que o que eu tinha do meu patrão era um belo de um chuto no cu, e bem merecido devo acrescentar.
Por isso como já dizia o outro, vai mas é trabalhar!!!


2 comentários:

Eduardo Hürst disse...

Aqui em São Paulo, ontem, tambem houve greve do metrô. E foi um caos!!! Um mar de pessoas à espera de uma condução, e tudo parado, e na maior cidade da America do Sul, tivemos uma perde de 45 milhões de dólares em UM ÚNICO DIA!!! Mas os sindicalistas querem reajustes fazendo com q a cidade perca tanto dinheiro?!
E quem sofre? O povo...
#
Eduardo

Gija disse...

Pois, aqui agora está na "moda" fazer greve para melhorar a suas condições de trabalho, mas esquecem-se que quando uma empresa, ou um país está em crise não é a fazer greve que se obtêem melhorias é arregaçando as mangas e trabalhando, e estes senhores além de não trabalharem ainda prejudicam quem o quer fazer...