quarta-feira, 13 de junho de 2012

O hiato da Bela-Vista

Pois Miss S esse hiato ficará para sempre na memória!

Como a Miss S disse, e bem, o comboio ia até Lisboa e o nosso destino (decidido no dia anterior com um maravilhoso aponta o dedo no mapa) era Porto Covo! Teríamos que pernoitar por Lisboa, ou não! Tempos de estudante pediam recursos baratos e o desenrasca-te em qualquer lado, foi então que liguei a uma grande amiga da faculdade, a R. para nos acolher na casa dela, sabendo eu que era tudo "numa boa", uma vez que já lá tinha estado uma semana a viver a experiência da minha vida (essa fica no segredo dos Deuses)!
A R. como boa amiga foi-nos receber à estação e fomos para casa dela... no Bairro da Bela-Vista! O cenário a seguir vivido parecia saído directamente de um filme de Almodóvar. Quando entramos o pai da R. estava semi nu a fumar um belo de um cacete a.k.a charro, joint, parrampa, e a ver um filme pornográfico! Confesso que para mim foi um belo momento, ver a cara de estupefacção da Miss S e da outra companheira de viagem a S.!!! A lifetime experience!

Aproveito para deixar aqui um beijinho especial para a R., amigas como tu são para sempre!
A P* da vida assim como nos juntou também nos separou... Mas o que vivemos permanece. 

4 comentários:

Miss S disse...

Pois, mas o hiato não teve só que ver com essa primeira visão aterradora. Eu tenho uma vaga memória que mete um abelha, gajas com agulhas da malha no cabelo ao estilo Flinstones, gangs e instruções para como agir em caso de tiroteio...

Mona disse...

Mas a bela da recepção foi demais... e os teus comentários... a imaginar se fosse ao contrário! O teu paizinho nessa figura.

É verdade a gaja da agulha... outro belo momento.

Abelha?

Gija disse...

Enquanto isso, eu ao meu melhor estilo Madame passava férias em Monte Carlo e Cote D`Azur!!!!

Sue disse...

Pois...o Bairro da Bela Vista não é propriamente um cartão de visita de Setúbal :S