quarta-feira, 11 de julho de 2012

Às vezes tenho nojo!




Tou aqui com os nervos... que partia tudo!
Sim, eu gostava mesmo muito, de ir ao concerto de Florence & The Machine, mas na impossibilidade de tal, só gostava de ser tratada dignamente!
Segundo o que se lê (e entendo) em Diário da República, a promotora do evento deve restituir o dinheiro dos bilhetes, uma vez que houve a substituição do programa.
E para quê pôr um contacto telefónico que não funciona e um email, se no final, se recusam a cumprir a lei?
Eu quero o reembolso! Não façam de nós, aquilos que não somos! Burros...




Sim, eu fui uma das que comprou bilhete para o Alive, apenas para ver a Florence... e que infelizmente cancelou o concerto por motivos de saúde, segundo ela perdeu a voz, e eu perdi 53€, porque a merda de uma promotora de eventos se nega a cumprir a lei. Dá-me nojo, fazerem de nós incultos e "paus mandados"!

Como diz o Nilton:
"Everything is new", paga o que deves!

4 comentários:

pedro b disse...

há uns anos, com depeche mode, foi a mesma coisa. mas bastou-me ir à fnac, onde tinha comprado o bilhete, e eles deram-me a grana de volta logo.

Miss S disse...

Dúvida existencial: se há o palco principal e os palcos secundários, se os Florence tocariam no palco principal isto não fará deles um dos artistas principais?

Sílvia disse...

Aconteceu-me isso há uns anos (largos) com Brian Adams, ele que já nessa altura não era nenhum menino marcou os concertos pela europa todos em dias seguidos, quando chegou a Espanha e depois Portugal já estava sem voz. Fiquei tão chateada com ele (embora saiba que não é ele que agenda, mas é ele que manda) que cortei relações!!
Não quis ir no dia de substituição, mas devolveram-me de imediato o dinheiro na fnac.
Gostava tanto dele (e continuo a gostar das músicas), mas fiquei tão chateada que nunca mais fui ver nenhum concerto!! E eu tenho a certeza que ele sente a minha falta!! É assim Brian, para a próxima pensas duas vezes antes de cancelares um concerto em Portugal!!

Eduardo Hürst disse...

Pois digo que aqui no Brasil, quando ocorre geralmente devolvem o dinheiro de pronto. Bom.. ao menos isso fazem de certo! :P
abraços